POSTAGEM COM NOTICIAS

Olá amigos e leitores do blog, estamos atualizando nesta quinta feira de sol e temperatura amena



Agradecemos a todos pelas visitas
MUITO OBRIGADO DE CORAÇÃO !!!




####################################################################################################


Bem amigos, noticias do meio



Tentativa de registro do IRIZAR da MGP no fretado da SKY JAGUARIUNA




Eu já tinha falado sobre e agora trago uma tentativa de registro que não deu muito certo kkk
Mas espero poder ter novas oportunidades
Por enquanto não tenho informações sobre se outras empresas estão operando este novo fretado da cidade



ITNEROL já esta operando o escolar em Pedreira

Ontem pela manhã quando fui para Campinas, eu vi os primeiros carros da ITNEROL em Pedreira
Por enquanto vi um APACHE S21 e um URBANUSS PLUSS com 3 portas
O detalhe que me chamou a atenção é que os carros estão no padrão escolar, isto é, são todos amarelos com a faixa preta
Infelizmente eu não conheço nada das escolas de Pedreira, portanto vai ser um trabalho duro poder registra-los, pois não sei quais escolas em que eles estão operando
Mas espero em Deus que em breve possa poder registra-los


Campinas estende cobrança eletrônica em ônibus para eliminar pagamento em dinheiro


FONTE G1 CAMPINAS







Campinas (SP) vai estender, a partir desta terça-feira (6), o uso do QR code, um sistema de cobrança eletrônica com um código de barras impresso, nos ônibus do transporte público do município para eliminar a circulação de dinheiro nos coletivos. A tecnologia já havia sendo testada desde janeiro nas linhas dos distritos de Sousas e Joaquim Egídio e começará a ser implementada em pelo menos 100 veículos a partir desta terça-feira.
De acordo com a Associação das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de Campinas (Transurc), a previsão é que a tecnologia seja implantada em todos os 1,2 mil carros do sistema Intercamp até setembro. Para a implementação do projeto, será necessária a troca dos validadores de cartão, que acontecerá de forma gradativa durante a madrugada, segundo a entidade. O custo é de R$ 1,5 mil por equipamento.
O pagamento com o QR Code funciona da seguinte forma: o usuário compra um bilhete de papel em um dos 300 postos de vendas autorizados pela Transurc e valida o código de barras no validador da catraca. Cada ticket custa R$ 4,50 e só pode ser usado uma vez. O mesmo código ainda pode ser lido pelo celular, através da instalação do aplicativo. Já para quem usa o Bilhete Único, o sistema de cobrança continuará sendo feito normalmente sem alterações.

Ação judicial

No entanto, segundo a Emdec, o pagamento com dinheiro nos ônibus continua permitido. Em maio, o Ministério Público do Trabalho (MPT) entrou com uma ação na Justiça contra as concessionárias de ônibus de Campinas por acúmulo de função. O pedido era para que os motoristas fossem proibidos de comercializar passagens e cobrar tarifas.
A tarefa passou a ser realizada pelos condutores após a extinção do cargo de cobrador, em 2014, que foi uma consequência do projeto da Prefeitura de por fim a circulação de dinheiro nos ônibus. Logo após o pedido do MPT, a Justiça acatou a liminar e determinou que as empresas proibissem os motoristas de comercializar passagem.De acordo com o procurador Sílvio Beltramelli Neto, que preside a ação, a dupla função dos motoristas de ônibus, após a demissão de pelo menos 2 mil cobradores no município, prejudica a saúde e o desempenho dos motoristas. Além disso, a Procuradoria utilizou estudos de universidades federais que apontam doenças psicossomáticas e a precarização do ambiente de trabalho como consequências do acúmulo de cargos.
Na ocasião, o Sindicato das Empresas de Transporte da Região Metropolitana de Campinas (Setcamp) informou, em nota, que o uso da tecnologia do código de barras estava em fase de testes.

Histórico

Após a saída dos cobradores, em outubro de 2014, houve venda de bilhetes eletrônicos dentro dos veículos e, em junho de 2015, o pagamento voltou a ser recebido. Naquele mês, o MPT começou a investigar a dupla função exercida pelos motoristas e solicitou esclarecimentos.
À época, o Setcamp alegou que a maioria dos usuários usava o Bilhete Único e a Emdec reforçou que os motoristas eram orientados a não receber com ônibus em circulação

COMENTÁRIO


Pois é só duas questões, a primeira é que apesar de informarem que tem 300 pontos para compra, eu não entendo o por que não colocaram pontos de recarga nos hospitais que tem um movimento enorme
Outra coisa é que como o papelzinho vai ser descartado, as empresas podem preparar para recolher os papelzinhos jogados no chão
Enfim, não sei se esta é a melhor tecnologia, mas enfim vamos ver na prática como vai ser a eliminação total do dinheiro dos onibus na cidade



Por fim, algo surpreendente na METRÓPOLIS, a empresa esta realizando uma pesquisa de satisfação

Ontem eu voltei mais uma vez de METRÓPOLIS e em Jaguariuna entraram alguns funcionários da empresa e dai dois deles sacaram de uma prancheta com um questionário e foram de passageiro em passageiro pedindo para que eles respondessem a pesquisa de satisfação
Eu confesso que nunca na minha vida eu vi a empresa fazer isso, por isso me causou um espanto enorme
Como os funcionários da empresa sentaram-se perto de mim eu pude ouvir que a pesquisa vai atingir 80% de passageiros pagantes 5% de idosos e o restante de estudantes

Eu fiquei ansioso pra chegar em mim para responder a pesquisa, e respondi, porém eu queria escrever um livro no campo SUGESTÕES mas infelizmente UM ERRO QUE EU VEJO NO PROCEDIMENTO DA PESQUISA FOI O FATO DE SER FEITA DENTRO DO ONIBUS EM MOVIMENTO, POR QUE NO CASO EU QUE QUERIA ESCREVER UM LIVRO DE SUGESTÕES, PELO FATO DO ONIBUS FICAR BALANÇANDO NÃO TEVE COMO

ENTÃO EU QUERO DIZER QUE A EMPRESA DEVERIA FAZER A PESQUISA NA RODOVIARIA ANTES DO EMBARQUE OU DEPOIS QUE A PESSOA DESCER E AI ABORDA-LA PEDINDO SE ELA QUER OU NÃO RESPONDER A PESQUISA

Agora curioso que esta pesquisa aconteceu justamente depois de nossa postagem criticando a empresa conforme o link abaixo


http://rogerejanne.blogspot.com.br/2017/05/editorial-linha-rodoviaria-da.html


Acabou que só deu para escrever para que a empresa transformasse a linha rodoviaria em suburbana, mas eu queria falar mais e explicar, mas não foi possivel

Eles pediram o nome da pessoa e o telefone então vamos ver se entram em contato

E espero que depois do resultado, possamos ver alguma melhoria no serviço

Pena que não deu para fotografar o questionario

Eu iria até neste domingo criticar de novo a empresa mas decidi esperar para ver se veremos alguma novidade a respeito


##############################################################

É ISSO AI AMIGOS
AMANHÃ UM NOVO POST SE DEUS QUISER
ABRAÇOS E FIQUEM COM DEUS SEMPRE !!!





Comentários