NOTICIAS DO TRANSPORTE URBANO DE ITAPIRA E DE PEDREIRA

Olá amigos e leitores do blog, estamos atualizando nesta sexta feira de chuva no momento



Agradecemos a todos pelas visitas e em especial aos comentários do OSNI e SANDRO


OSNI

esse jumbuss vai ficar bonito na pintura da santa tereza ,quanto ao vitória coitado é o fim de uma história mas com certeza alguns`orgãos´ dele ainda vão dar vida para outros semelhantes,tem mais algum ainda na empresa?


Olá Osni tudo bem?

Então Osni  sobre o Jum Buss vamos ver o resultado em breve e sobre o Vitoria tem mais um ainda na mesma garagem que não deu pra registrar, estes são os ultimos e de fato ainda dá pra aproveitar muita coisa deles


Abraços e fique com Deus


SANDRO

Boa Tarde,

Realmente é uma pena ver o destino final deste vitória, mas fazer o que são coisas que muitas vezes não restam outra alternativa.

Sobre o jumbuss se ficar na cor prata igual ao do carro da capa do blog, ficará show de bola.



bo
Olá Sandro tudo bem?

Pois é infelizmente quanto ao Vitoria num tem jeito mesmo
E sobre o Jum Buss com certeza ele vai ganhar mais vida, afinal a ultima reforma foi a mais de 4 anos

Abraços e fique com Deus


####################################################################################################


Bem amigos, hoje trazemos noticias atualizadas do transporte urbano de Itapira e em Pedreira



Em Pedreira, nos últimos dias de mandato ex- Prefeito assina contrato emergencial com a METRÓPOLIS e reajusta tarifa a 3.80

Um fato inusitado aconteceu na vizinha cidade de Pedreira, o ex Prefeito Carlos Pollo nos últimos dias de mandato, mais precisamente dia 28 de Dezembro, firmou contrato emergencial com a METRÓPOLIS para a continuidade do serviço de transporte urbano na cidade
O interessante de tudo isso é que a tarifa que estava a 3.20 passou para 3.80, sendo até o momento, a mais cara na nossa micro região

O contrato firmado tem prazo de 180 dias


VEJA UM TRECHO DO MESMO



2.1. O valor da tarifa para passageiros comuns a ser paga pelos usuários do serviço de concessão é de R$ 3,20 (três reais e vinte centavos), até o dia 08/01/2017, e a partir de 09/01/2017 será de R$ 3,80 (três reais e oitenta centavos), devendo ser oferecido pela Concessionária, sem ônus ao Poder Concedente os descontos e gratuidades estabelecidos nos arts. 18 e 19 do Decreto Municipal nº. 2.385, de 05 de maio de 2015.
2.2. Poderá haver subsídio tarifário nos termos da cláusula 19 deste instrumento. CLÁUSULA TERCEIRA DO PRAZO DE VIGÊNCIA DA CONCESSÃO 180 (cento e oitenta) dias a contar da data de início da operação, que se dará conforme cláusula 9.1. deste contrato, onde este contrato poderá ser rescindido entre as partes, sem nenhuma penalização, no caso do início de operação deste objeto via procedimento licitatório

Importante salientar que a licitação definitiva também esta suspensa pela justiça


Vamos acompanhando e se surgir novidades voltaremos ao assunto



########################################################################



Em Itapira Prefeitura prorroga contrato emergencial com a FÊNIX

FONTE SITE ITAPIRANEWS.COM.BR

O contrato emergencial firmado pela Prefeitura de Itapira com a empresa Expresso Fênix foi prorrogado. Agora, a concessionária provisória do transporte público itapirense, que atua na cidade desde julho do ano passado, poderá ficar mais três meses em atividade, ou até que se conclua a licitação para contratação definitiva de empresa para explorar o serviço.
A vigência inicial de seis meses terminaria neste mês de janeiro, mas o prazo precisou ser estendido por mais 90 dias justamente devido à paralisação do certame licitatório, em dezembro, pelo TCE/SP (Tribunal de Contas de São Paulo), que acolheu representação questionando diversos pontos do edital.
A representação foi formulada por um munícipe de Botucatu (SP) em face da Secretaria Municipal de Recursos Materiais. O valor contratual estimado da prorrogação é de R$ 721,5 mil, equivalente à arrecadação tarifária prevista para o período, segundo a administração. Segundo a Prefeitura, alguns ajustes foram feitos ao contrato – como a retirada da exigência de cobradores nos veículos e o limite de apenas duas passagens gratuitas para pessoas não aposentadas e com idade entre 60 e 65 anos, conforme lei aprovada pela Câmara Municipal em 2016.
A Fênix começou a operar em Itapira no dia 18 de julho de 2016, depois que a Prefeitura rompeu com a antiga prestadora do serviço, a Viação Itajaí, que atuava no município desde 2006. A atual concessionária, que tem sede em Itatiba (SP), foi a única empresa do setor a participar da licitação que previa a contratação emergencial. Recentemente, o prefeito José Natalino Paganini (PSDB) autorizou o reajuste da tarifa dos ônibus, que saltou de R$ 3,30 para R$ 3,70.
O edital aberto pela Prefeitura no fim do ano passado prevê a contratação de empresa para operar o transporte público pelo prazo de 15 anos. O contrato, neste caso, é estimado em mais de R$ 60 milhões. Na representação que travou o andamento do certame, o autor afirma que o edital possui disposições que cerceiam a competitividade e promovem vantagem indevida à atual prestadora, contratada emergencialmente. Também são questionados outros pontos do edital, como os quantitativos exigidos para comprovação de capacidade operacional e exigências que seriam demasiadamente formais e avessas à legalidade. A Prefeitura ainda aguarda autorização do TCE para prosseguir com a licitação.

##########################################################################################################################################################################################
É ISSO AI AMANHÃ VOLTAMOS SE DEUS QUISER

Comentários