O ACIDENTE COM ONIBUS OCORRIDO ONTEM E UM EDITORIAL

Olá amigos e leitores do blog estamos atualizando nesta quinta feira de sol e frio neste momento



Agradecemos a todos pelas visitas
MUITO OBRIGADO DE CORAÇÃO !!!



##################################################################################################################################################


Bem amigos, hoje era para continuar a postar sobre Campinas, mas diante do triste fato que tomei conhecimento agora a pouco ocorrido ontem eu resolvi mudar de última hora a postagem e aproveitar para fazer um editorial que no caso é mais um pedido ou um conselho as empresas de onibus que obviamente quiserem e aceitarem


Primeiro vamos ao relato dos fatos que será amplamente divulgado hoje pela midia


SEGUE A PAGINA DO G


Um ônibus que levava 46 pessoas capotou na rodovia Mogi-Bertioga por volta das 23h desta quarta-feira (8) no litoral de São Paulo. De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, hospitais e da Polícia Civil, 18 pessoas, incluindo o motorista, morreram e as outras 28 ficaram feridas.

Com o acidente, a rodovia foi totalmente interditada por volta das 23h. Todas as vítimas com vida foram resgatadas e levadas a hospitais próximos. Depois, os corpos das demais vítimas foram retirados e levados para o IML de Guarujá. A rodovia foi liberada por volta das 7h.
O veículo levava estudantes de três unidades de ensino da cidade de Mogi das Cruzes para o município de São Sebastião. O ônibus seguia em comboio com outros três veículos pelo km 84, na divisa entre os municípios de Mogi das Cruzes e Bertioga. Neste momento, o coletivo bateu em um rochedo na pista contrária, capotou e caiu em um barranco. A polícia investiga as causas do acidente.
Equipes do Corpo de Bombeiros e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) do litoral de São Paulo, e também de municípios próximos da região, foram deslocadas para prestar atendimento às vítimas. Equipes do Departamento de Estradas e Rodagem (DER) também estão no local.
Equipes dos Bombeiros, Samu e DER foram encaminhadas para atender a ocorrência (Foto: Jamile Santana / G1)Equipes dos Bombeiros, Samu e DER foram
encaminhadas para atender a ocorrência (Foto:
Jamile Santana / G1)
Segundo Edemir Pedralli, pai de uma das vítimas, a situação no local ainda é incerta. "Minha situação é de angústia. Não sei o que aconteceu, não sei se meu filho está bem, se ele foi socorrido. Estava dormindo quando soube da notícia.", disse o homem. Ainda de acordo com Edemir, seu filho cursa engenheira civil na Universidade de Mogi das Cruzes (UMC).
As vítimas foram levadas para o Hospital Municipal de Bertioga, para o Hospital Santo Amaro, em Guarujá, e para o Hospital das Clínicas Luzia de Pinho Melo, que fica em Mogi das Cruzes. De acordo com o delegado Fábio Pierri, não chovia e não havia neblina no momento do acidente, mas a pista poderia estar escorregadia.
Ainda de acordo com a Polícia Civil, os corpos serão enviados para os IMLs de Guarujá e Mogi das Cruzes, mas há a chance de que alguns corpos sejam enviados para a unidade de Santos. O caso será investigado pela Delegacia Sede de Bertioga.
Ainda de acordo com a Polícia Civil, os corpos serão enviados para os IMLs de Guarujá e Mogi das Cruzes, mas há a chance de que alguns corpos sejam enviados para a unidade de Santos. O caso será investigado pela Delegacia Sede de Bertioga

VEJA COMO ERA O ONIBUS E COMO FICOU












Editorial

Dizem os antigos que se conselho fosse bom seria vendido, mas de qualquer forma, eu vou arriscar talvez as amizades, talvez as informações que recebo, mas tenho plena consciencia do que eu estou fazendo e de que vou dizer aqui, pois eu aprendi de minha mãe e meu pai a ter acima de tudo dignidade, honestidade e não ser falso

Este fato doloroso é um alerta pois aconteceu com uma empresa estruturada e como podem ver abaixo, o carro que sofreu o acidente estava REGULARIZADO PERANTE ARTESP



Ai vc me pergunta, mas o que isso tem haver com o acidente?

Tem tudo a haver, pois uma fatalidade como esta pode acontecer com qualquer empresa e o que eu quero colocar aqui é que muitas empresas no estado de SP não estão regularizadas perante a ARTESP

Este fato acontece por vários fatores; pela despesa que dá em ter que pagar taxas, levar o carro para fazer vistoria, questão da idade da frota e muitas empresas veem isso com algo desnecessário, além do que a ARTESP é um orgão ( na minha opinião ) incompetente e não fiscaliza nada e muitos empresários sabem disso e por isso nem se preocupam
E outra coisa, sejamos francos, além de tudo isso quem não tem ARTESP e não paga as taxas pode fazer um preço menor nas excursões, nas linhas, enfim é algo vantajoso num primeiro momento.

Só que, tenham certeza que a primeira coisa que a imprensa foi ver neste acidente e se o ônibus estava regular e como vocês viram, ele estava
E outra coisa vocês acham que a ARTESP diante disso não foi cobrada e não foi fazer uma vistoria na garagem e nos veículos da UNIÃO DO LITORAL, é logico que sim , pq eles vão querer mostrar serviço.
Agora imaginem se esta fiscalização extemporânea  acontecesse com uma empresa que tem uma boa parte da frota irregular??

Com certeza seria o começo do fim, pois se a empresa não esta regularizada, seria alvo de multas e a imagem seria totalmente abalada de forma irreversível,  IMAGINE NA SUA CIDADE A EMPRESA SENDO APONTADA COMO AQUELA QUE TEVE O ACIDENTE , imaginem o transtorno com o pagamento de indenizações e processos e obvio que muitos clientes se afastariam da empresa pois ela iria carregar o fardo de EMPRESA IRREGULAR

Por isso eu faço aqui um pedido como amigo, se é que posso ser considerado assim; que se alguma empresa da cidade ou da nossa região estiver operando de forma irregular, ISTO É, SEM A ARTESP, que por favor repense, pois esta economia que se faz hoje pode ser a RUINA DO FUTURO, pois acidentes acontecem com todos, mas o perigo dos prejuízos de imagem e financeiros podem ser muito grandes

Espero que não fiquem bravos comigo por este texto, mas se ficarem paciência, afinal como disse no começo, eu sou honesto não por opção, mas por obrigação e quem quiser conviver comigo tem que se acostumar, e não estou aqui para bater nas costas de ninguém, pois quem faz isso é falso e visa algum interesse e eu graças a Deus nunca fui e nunca serei assim, pois se quisesse, estaria trabalhando em empresa de onibus e fazendo layouts para todas de forma gratuita


Cabe a cada um dos empresários aceitar ou continuar a atuar da mesma forma e rezar para Deus proteger a sua empresa de uma tragedia destas


###############################################


POR FIM NÓS QUEREMOS PRESTAR NOSSA SOLIDARIEDADE AS FAMILIAS DOS ESTUDANTES E QUE DEUS POSSA CONSOLA-LOS DESTA PERDA IRREPARÁVEL



É ISSO AI AMIGOS
AMANHÃ UM NOVO POST SE DEUS QUISER
ABSS E FIQUEM COM DEUS SEMPRE !!!

Comentários

  1. Boa tarde

    Faço de suas palavras minha opinião, pois lembro que antes de criarem artesp, antt e outras existentes tinha somente a embratur e era muito melhor a fiscalização do que é hoje.

    Infelizmente o cabide de emprego é grande, pois hoje temos emtu, artesp, antt, denit, fora que tem que encher de adesivos os ônibus, micros e vans para a prestação do serviço.

    Mas é este fazer o que, esta é a política e cultura de nosso país, somente vão se dar conta do problema quando acontecessem infelizmente ocorrências deste tipo.

    Sandro R dos Santos - SRS

    ResponderExcluir
  2. Boa tarde caro colega, concordo plenamente contigo a respeito da regulamentação porem essa artesp é um órgão muito sem vergonha, manipulado por grandes empresas, um exemplo é o que eles fazem com as vans, dificultando o máximo uma legalização, duvido que na sua cidade exista empresas de vans legalizadas? complementando duvido que essas pequenas empresas da região tenham registro na artesp, faça vc mesmo um levantamento das empresas cadastradas na artesp de sua região e verá que somente as de médio porte pra cima possui, agora uma coisa eu acho um absurdo, transportar passageiros sem um devido seguro, ai é o fim mesmo em caso de indenizações. (Pedro Silva)

    ResponderExcluir
  3. É Roger, realmente é uma notícia muito triste, meus pesares as famílias em luto. Sou motorista também já desci a Mogi Bertioga algumas vezes e sempre engrenado e abaixo Da velocidade, todo cuidado é pouco e a vida é uma só, transportar pessoas é respobsabilidade sem igual.

    ResponderExcluir

Postar um comentário