REGISTROS EM CAMPINAS ( PARTE 15 ) E A INFORMAÇÃO DE QUE A DUPLA FUNÇÃO DOS MOTORISTAS NA CIDADE TEM DATA PARA ACABAR

Olá amigos e leitores do blog, estamos atualizando nesta segunda feira de sol e temperatura amena



Agradecemos a todos pelas visitas  e em especial ao OSNI pelo comentário


OSNI


Não discordo da sua tese não Roger acho que faz muito sentido além de ser uma jogada bem inteligente ,mas sobre as mudanças no grupo algo que também está envolvido ,é a saida de varios acionistas da familia mazon no caso a santa cruz ficou para o francisco mazon ,uma novidade que não sei se vc tá sabendo foi a criação em Araras da viação santa sofia que ficou com um dos membros da familia por enquanto não tem fotos de como será o layout mas já tem a galeria aberta no o.b o nome é uma homenagem a matriarca da familia



Olha Osni você me tras informações as quais não tinha conhecimento, como esta da saida de acionistas da Familia Mazon e também da criação desta nova empresa e eu fui ver a galeria dela no OB e pegaram um dos inumeros CAMPIONE que estavam a disposição, enfim, vou ver se acompanho os proximos passos da criação desta nova empresa na pagina dela no OB e interessante e curiosa esta informação desta homenagem, o nome de fato ficou bem bonito mesmo


Abss e fique com Deus


Agradecemos também ao grande número de visitas que tivemos ontem, mais de 500 visitas e é por isso amigos que eu prefiro postar aqui do que no ONIBUS BRASIL


##################################################################################################################################################


Bem amigos hoje uma postagem com foto, vídeo e informação 



COMEÇANDO PELA FOTO DE UM DOS APACHE VIP 4 DA CIDADE



A foto não ficou lá grandes coisae, pelo fato de no dia estar no fim da tarde e minha camera nesta hora pede flash e obviamente que eu não vou usar flash em plena via pública
Enfim, me parece que em Campinas só tem dois VIP4 e os dois da ITAJAI, é algo bem interessante já que este modelo esta se espalhando cada vez pelo país



AGORA O VÍDEO DE UM SVELTO 2012 DA CAMPIBUS EM FLAGRA DA OPERAÇÃO DA ENTRADA DE PESSOA COM MOBILIDADE REDUZIDA


                     



E POR FIM A INFORMAÇÃO



A circulação de dinheiro dentro dos ônibus de Campinas deve ser extinta em seis meses, de acordo com parecer do Ministério Público do Trabalho (MPT) anunciado na terça-feira. A medida tem por objetivo vetar o manejo de valores pelos motoristas dos coletivos e impedir a dupla função.
Para isso, as empresas concessionárias do sistema de transportes estão adquirindo 20 equipamentos ATM’s, similares aos caixas eletrônicos de bancos, onde será possível adquirir o cartão para usar o transporte público.
De acordo com a Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec), atualmente há um percentual de 98% dos usuários do transporte público pagando a tarifa com cartões eletrônicos, como cartões do Bilhete Único e Bilhete Viagem. Somente 2% pagam em dinheiro.
Para adquirir o bilhete o usuário deve ir a uma das máquinas, que serão distribuídas em pontos estratégicos da cidade, como terminais urbanos, hospitais e o terminal rodoviário, e realizar a compra do cartão para a viagem através de cartões de crédito ou débito. A Emdec afirma que a implantação dos equipamentos respeitará o prazo estimado de 30 dias, contados a partir de 1º de maio. As máquinas ficarão em teste durante 60 dias.
Ao final de todo o cronograma, previsto para 180 dias, ficará proibida manipulação de dinheiro pelos motoristas. Como a decisão parte de um acordo entre o MPT, a Emdec e as empresas de ônibus, caso não seja cumprido, a Prefeitura e as empresas podem responder na Justiça.
O diretor de comunicação e marketing da Associação das Empresas de Transporte Urbano de Campinas (Transurc), Paulo Barddal, disse que as máquinas estão sendo compradas pela Transurc. “Das 20 máquinas, 16 já chegaram. Uma delas está exposta no setor de atendimento da Transurc, em fase de testes”. Barddal lembra que a medida vale para toda a frota das associadas à Transurc.
Para a atendente comercial Heidi Cristina Centofante, o não uso do dinheiro é mais seguro tanto para o usuário quanto para o motorista. “Além de ser mais seguro, o motorista não exerce a função de cobrador e se concentra apenas em seu serviço”, opina. Roseli Migliorini, de 46 anos, aponta que muitas pessoas que moram fora da cidade serão prejudicadas. “Quem mora fora não sabe que os ônibus não aceitarão dinheiro. Essas pessoas ficarão perdidas”, disse.
Aline Ferreira, de 30 anos, diz que a iniciativa é um absurdo e apoia a volta dos cobradores. “O cidadão tem o direito de pagar da forma que ele achar melhor. A solução para o problema é a volta dos cobradores. Mais empregos são gerados, o motorista não ficará desatento com o trânsito”.
FONTE: Correio Popular


COMENTÁRIO


De fato eu concordo com a decisão, e só vou tentar mandar um e-mail para EMDEC para colocar pontos de venda do cartão nos principais hospitais também
Vamos ver se consigo emplacar esta idéia



##################################################################################################################################################


É ISSO AI AMIGOS
AMANHÃ UM NOVO POST SE DEUS QUISER
ABSS E FIQUEM COM DEUS SEMPRE !!!!

Comentários

  1. Boa tarde,

    Novidades aqui em Valinhos, passei no sábado à tarde ao lado da garagem da transfaria e o comil versatile I prefixo 50250 voltou para a garagem (este carro estava na Multvias de SP que comprou com um g7 0900 prefixo 50400 e um G7 120 50600.
    Outro carro que vi na sexta a tarde é também a volta do G7 1200 50500 que estava em Minas Gerais, está fazendo linha normal em Valinhos também.

    Em resumo dos carros vendidos somente os 50800 e 50900 G7 1200 scania estão na VB e ainda não foram pintados e os dois volares estão com a santa tereza de Amparo.
    O Neobus Class 320 continua na multivas ainda.

    Qualquer novidade volto a informar.

    Abraços

    Sandro R dos Santos - SRS

    ResponderExcluir

Postar um comentário